Charlie

Resgate / Vida no abrigo:

Charlie e seus irmãos foram resgatados órfãos, e acolhidos pela doce Vivi no BG ainda em 2013. Era uma turminha toda deliciosa!
Foram desmamando, sendo adotados primeiro os peludinhos tigrados e os que ficaram foram crescendo. Demorou um pouco, mas seus irmãos adotivos Lobão, Théo e finalmente David ganharam um lar. 
Mas a vida reservava mais emoções ao Charlie. A 1ª adoção, ainda filhote, durou em torno de 24h. Os cães da casa não aceitaram sua presença.
Passado um tempo, Charlie apresentou uma diarreia persistente. Mesmo depois de vários tratamentos, internação e dieta especial, constatamos que é um quadro crônico, que vai e vem. Mas isso em nada afeta sua lindeza, seu pelo brilhante e seu miado doce e fino. Só faz com que ele se estresse um pouco e evite a gente enquanto está tomando medicação.
Aí veio a 2ª adoção, após uns 10 dias, quando ele já era dono da cama e do sofá, a adotante concluiu que não estava disposta a lidar com a diarreia dele.
De volta ao abrigo, meses se passaram, quando veio a 3ª adoção. Desta vez parecia certo!  Mas, depois de 02 meses, quando a diarreia voltou, o Charlie também voltou para o abrigo…
Ele continuava lindo, dengoso e carinhoso, à espera da família certa.
E não é que ao apagar das luzes de 2015 um casal muito especial que já acompanhava a história dele há um tempo tomou coragem e resolveu adotar o Charlie? O coração do papai e da mamãe ele já tinha conquistado há tempos, quando chegou na nova casa só foi preciso conquistar os irmãos felinos, o que aconteceu e todos vivem em harmonia!

Depoimento adotante – Dani e Felippo

Em 2014 fomos no BG conhecer o abrigo. O lugar é muito bem cuidado pelos voluntários e tem vários gatos lindos! Nos apaixonamos pelo Charlie que veio nos receber e ficou pedindo carinho, mas infelizmente não adotamos porque nosso felvinho estava em tratamento. 

Em 2015 Charlie foi adotado e depois devolvido. Foi a 3ª vez que Charlie ganhava uma casa e voltava para o abrigo. Ficamos muito triste e começamos a conversar sobre a adoção dele. Para nossa alegria passamos na avaliação! No natal do mesmo ano nosso pacotinho do amor veio para nossa casa. Charlie ganhou muito carinho e “esmagos” de amor! 

A família cresceu e hoje Charlie tem 5 irmãos (todos negativos vacinados para conviver com o felvinho). Charlim se dá bem com a turma toda! Ele é nosso denguinho que enche a casa de amor! 

Agradecemos todos voluntários que cuidaram muito bem do Charlie enquanto ele esteve lá e que acreditaram que nossa casa seria realmente um lar para ele. 

Charlie pediu para mandar uma mensagem: adote um amigo! Dê chance para um gato adulto! Adotar é um gesto de amor! Lambeijos do Charlie e da turma toda!